Read Time:47 Second

Parlamentares dos EUA dizem que passos do Facebook para combater “deepfake” não são adequados – 08/01/2020

0 0

Por Nandita Bose

WASHINGTON (Reuters) – O Facebook apresentou nesta quarta-feira uma série de mudanças para combater a disseminação de mentiras em sua rede social, incluindo a remoção de “deepfakes” e outros vídeos manipulados. Apesar disso, parlamentares dos Estados Unidos disseram que as mudanças não são suficientes.

Uma audiência em andamento pela Comissão de Energia e Comércio da Câmara dos Deputados dos EUA marca o mais recente esforço dos congressistas em avaliar as defesas digitais do Facebook antes da eleição presidencial de novembro e ocorre quatro anos após a Rússia usar a rede social para espalhar mentiras durante o pleito que elegeu Donald Trump.

Na corrida eleitoral de 2020, as plataformas de mídia social estão sendo pressionadas a combaterem a disseminação dos deepfakes, como são conhecidos os vídeos manipulados que usam ferramentes de inteligência artificial para criarem imagens realistas de pessoas dizendo frases que não disseram.

cgnews
https://conteudo.imguol.com.br/c/interacao/facebook/uol-tilt.jpg

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Previous post Homem é encontrado morto em terreno baldio em Campo Grande
Next post Homem é encontrado morto em rua após morador escutar tiros