Read Time:2 Minute, 39 Second

Governo abre processo seletivo para professores temporários com salário de R$ 4,5 mil

0 0

CADASTRO RESERVA

Governo abre processo seletivo para professores temporários com salário de R$ 4,5 mil

Inscrições começaram hoje e seguem até o dia 10 de janeiro

30 DEZ 19 – 15h:48GLAUCEA VACCARI

Governo de Mato Grosso do Sul abriu, nesta segunda-feira (30), processo seletivo simplificado para formação de cadastro reserva de profissionais para o cargo de professores temporários da Rede Estadual de Ensino. Salário para jornada de 40 horas semanais é de R$ 4,1 mil a R$ 4.510,00, dependendo da titulação.

Inscrições devem ser feitas exclusivamente pela internet, no site da Fundação de Apoio à Pesquisa ao Ensino e à Cultura de Mato Grosso do Sul (Fapems), de hoje (30) até às 17h do dia 10 de janeiro de 2020. 

Convocação dos aprovados será realizada de acordo com a demanda existente, em regime de suplência, ou seja, não é garantido ao candidato aprovado o direito subjetivo à convocação.

Para participar da seleção, é necessário ter habilitação com licenciatura nas áreas de Educação Artística, Artes Visuais, Artes Plásticas, Artes Cênicas, Música, Linguagens e Códigos, Ciências Biológicas, Biologia ou Ciências da Natureza. Educação Física, Filosofia, Geografia, Ciências Humanas e Sociais, História, Letras com habilitação em Língua Inglesa, Língua Estrangeira Espanhol e Língua Portuguesa, Matemática, Química, Sociologia e Licenciatura com habilitação para docência dos anos iniciais do ensino fundamental.

No caso de convocação, remuneração para o profissional com habilitação em nível superior é de R$ 4,1 mil; para docente com curso de pós-graduação lato sensu é de R$ 4.373,27 e para os com mestrado ou doutorado é de R$ 4.510,00. Os salários correspondem à jornada de 40 horas semanais, sendo que o valor recebido pelo profissional temporário será calculado proporcionalmente a quantidade de horas efetivamente atribuídas no ato da convocação.

Processo seletivo será composto de duas etapas, sendo a prova escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, e avaliação curricular, de caráter exclusivamente classificatório. Prova escrita será realizada em Campo Grande e Dourados, no dia 19 de janeiro de 2020. Na mesma data, todos os inscritos deverão entregar a documentação necessária para a avaliação curricular (prova de títulos).

Eventual convocação será feita obedecendo a ordem classificatória. O prazo da convocação do profissional poderá ser de até um ano, podendo o prazo ser prorrogado por no máximo dois anos. Durante o prazo de validade do processo seletivo, candidatos podem ser convocados mais de uma vez, conforme necessidade da administração pública. Edital completo está disponível em edição extra do Diário Oficial do Estado.

Esse artigo foi útil para você?

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.



CORREIO DO ESTADO

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Previous post Presidente da Bolívia expulsa embaixadora do México e diplomatas espanhóis
Next post Rumo ao MIT: jovem cria Tinder do emprego para moradores de Paraisópolis – 31/12/2019