Read Time:1 Minute, 22 Second

Cientista chinês que editou genes de bebês é condenado a 3 anos de prisão – 30/12/2019

0 0

O geneticista chinês He Jiankui, que chocou o mundo ao revelar a suposta criação de bebês resistentes ao vírus HIV, foi condenado nesta segunda-feira (30) a três anos de prisão por ter praticado a medicina ilegalmente. Segundo a agência de notícias oficial Xinhua, ele também foi multado em 3 milhões de yuans (cerca de R$ 1,7 milhão).

Outros dois pesquisadores, Zhang Renli e Qin Jinzhou, foram sentenciados a dois anos e a 18 meses de cadeia, respectivamente, e terão de pagar multas de 1 milhão e de 500 mil yuans (R$ 580 mil e R$ 290 mil).

“Os três acusados não tinham a certificação apropriada para praticar medicina, e ao buscar fama e riqueza violaram deliberadamente regulamentos nacionais de pesquisa científica e tratamento médico”, disse a corte. “Eles cruzaram o limite da ética na pesquisa científica e na ética médica.”

Em novembro de 2018, He, que era professor-assistente da Universidade de Ciência e Tecnologia do Sul de Shenzhen, anunciou que usou a tecnologia de edição genética conhecida como CRISPR-Cas9 para mudar os genes das crianças, uma prática ilegal na medicina do mundo todo.

Ele foi duramente criticado pela comunidade científica, que considerou que ele agiu antieticamente, forjando o trabalho e recrutando casais soropositivos para o experimento.

Duas mulheres chinesas deram à luz três bebês editados geneticamente, de acordo com a Xinhua.

O gene modificado é o CCR5, usado pelo HIV para atacar o sistema imunológico do ser humano. (Com agências internacionais)

cgnews
https://conteudo.imguol.com.br/c/noticias/d5/2019/01/21/21jan2019—he-jiankui-cientista-chines-que-disse-ter-editado-o-material-genetico-de-bebes-1548094039679_v2_615x300.jpg

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Previous post Suspeito de tentativa de furto é encontrado machucado em canteiro de obras na capital de M…
Next post GCM atendeu 365 casos de violência doméstica e acompanhou 5,2 mil medidas protetivas